(é foda né mano, desilusão, ilusão estereotipada, século xxi)
Bem-vindo ao show, primeiro ato. não envolve o coração, de fato.
Se cruza seu caminho é pau no gato. na malandragem ele ganha a má intenção dos ratos.
"sem massagem, pois aqui dentro pilantragem é mato."
É maior viagem. se sente a pedra no sapato. anda maior chave, pois é insano, e não sensato.
Há mais um fato a considerar nesse relato: "devia agradecer, podia te matar e não mato."
Mas o que você tem, eu cato. vendo barato. só pra ser chato, até pegar a boa e ter o que comer no prato.
Anonimato, na hora do ato. o que você viu, é fato. o que ouviu, é só boato!
Rueiro nato. a mãe é preta e o pai mulato. fé no amuleto. ainda em pé, conforme o trato.
Nasceu no gueto. as patricinhas acham ele gato, mas odeia o mundo é vagabundo e não quer nem contato...

Vídeo incorreto?