Diplomata


Viver para trabalhar, trabalhar para viver
Não resta tempo para gastar ou ceder
Caminhando feito um burocrata
Falando como um diplomata

Sempre olhando nos olhos deles
Apertos de mãos firmes, respostas rápidas
Empurre o produto, venda a colheita
Suba naquela escada até o topo

Mas e se isso não servir pra mim?
Não suporto a simetria
Minha cabeça está presa dentro das nuvens
Mas posso ver claramente agora

Estou tentando encontrar um por que de viver mais apaixonadamente
Pois não sou quem quero ser
Soterrado em rotinas, não me importo com o que me acontecer
Só quero ser liberto

Não sou o proprietário
Diga isso ao meu querido pai
Me ensinou tudo o que sabia
E quase nada do que eu quero fazer

Ganhou prêmios, honras, graus
Não pude me encontrar nessas coisas
Então peguei as chaves do meu carro e os documentos
E os joguei no oceano

Agora, todo o mundo está perante meus olhos
Me pergunto por que diabos demorou tanto para eu reconhecer

Estou tentando encontrar um por que de viver mais apaixonadamente
Pois não sou quem quero ser
Soterrado em rotinas, não me importo com o que me acontecer
Só quero ser liberto