Em meio à multidão
Estava uma mulher aflita de coração
Rejeitada e humilhada por todos, ela caminhou
Invadiu a multidão, enfrentou-a, e no Mestre ela tocou
O Mestre sentiu algo nele e perguntou:
“ Quem me tocou?
Pois de Mim saiu virtude, Eu pude sentir
Se levante do chão nessa hora
Tome posse da sua vitória”
Ela confiou, teve fé, adorou, tocou-o
E curada ficou

Quero tocar-te, meu Senhor
Quero viver do Teu amor
Sei que Tuas mãos saram minhas feridas
Sei que Tu podes mudar minha vida
Quero tocar-te, meu Senhor
E somente a Ti render louvor
Com a mesma fé daquela mulher
Ao te tocar, eu vou vencer

Receba, Senhor, meu louvor
Me ajoelho se preciso for
Eu só quero tocar-te, ó, Deus
Quero ser curada

Receba o meu louvor
Eu só quero tocar-te, quero ser curada

Vídeo incorreto?